Menu

Ex-vereador fala da importância histórico-cultural do Cemitério dos Escravos

O Cemitério dos Escravos localizado no distrito do Pontal foi o assunto discutido na Tribuna Livre da reunião plenária de 18 de maio, por Sebastião Afonso Barbosa (Sebastião 50). O atual vice-presidente da Guarda Mirim foi vereador na Legislatura 1997/2000 e, autor da Lei que trata do Tombamento do cemitério.

O Projeto de Lei foi apresentado à Câmara em 1999 e, segundo Sebastião, sua tramitação até a aprovação foi conturbada, uma vez que informações distorcidas foram disseminadas na comunidade.

O processo de registro do Cemitério dos Escravos como patrimônio cultural do município de Ponte Nova foi concluído em 2016 “Uma história que não pode morrer. Muita gente não conhece o Cemitério dos Escravos em Ponte Nova”, disse Sebastião reforçando a importância de se manter o local. Porém, ele contesta que não foi instalada nenhuma placa de Tombamento no local. “Será que é falta de interesse do prefeito? O Pontal tem uma relíquia”, destacou ele.

Sebastião solicitou o empenho da Câmara para melhorias no cemitério e entregou à vereadora Fiota (PEN) o dossiê de Tombamento do mesmo para que ela lei e possa dar prosseguimento nas ações de preservação do local. A vereadora destacou que buscará meios para que o Cemitério dos Escravos seja um permanente ponto de visitação. Os demais vereadores também comentaram sobre o cemitério e sua importância histórico-cultural para o município.

 

Leia mais ...

Notícias Regionais

Brasil e Mundo

Ponte Nova

Colunistas

Serviços

  • Esqueceu sua senha?
  • Esqueceu seu usuário?